Humor

Discos Pedidos – Músicas ou Travessuras

loading...

Olá a todos. Sejam muito bem-vindos à edição Outubrense dos Discos Pedidos, neste que é o mês do Halloween, o Dia das Bruxas, porque a minha vizinha também tem direito à vida. E a papel higiénico a ovos como decoração exterior da casa. Eu considero o calendário um bocado ingrato, já me bastava ter de morar ao lado daquela bruxa chata, não era preciso meter o dia dela mesmo ao lado do meu, o Dia de Todos os Santos! Não quero parecer invejoso, mas o feriado dela parece ser mais fixe que o meu.

O Halloween leva as crianças a sair de casa à noite para pedir doces às pessoas, enquanto o Dia de Todos os Santos leva as crianças a levantar-se de manhã num feriado para irem pedir Pão por Deus. Pão por Deus? Peço desculpa, mas não me faz sentido que ele tenha um filho que multiplique o pão e que precise de crianças alheias a andar na rua a pedir pão por Ele. No feriado nem há padeiro, o pão vinha duro. O nome da tradição bem se podia chamar Pão Para Torradas por Deus. Seja doces ou pão duro, a minha vizinha bruxa não tem dentes para nenhum deles.

Mas também não podia ganhar em tudo. A galinha dela já é melhor que a minha. E é verdade, ela come galinha do campo enquanto eu tenho de comer galinha do aviário. É como se fosse um frango de marca branca. E até a vizinha da vizinha é melhor que a minha. E não, não estou a falar de mim, estou mesmo a falar da enfermeira loira que mora na porta ao lado. Mas uma coisa a bruxa não tem, Internet para ler e pedir os seus Discos Pedidos.

O Pão por Deus não era a única ocasião que fazia levantar as crianças cedo num dia livre. Os desenhos animados das manhãs de fim-de-semana também tinham esse poder. A SIC está a transmitir novos episódios de Dragon Ball e dos Teletubbies. O Michael Jackson um dia perguntou “have you seen my childhood?”, a minha regressou este mês. E sim, eu ainda me levanto bem cedo aos Domingos… mas é para ir trabalhar. As crianças hoje em dia podem acordar e ver logo os seus desenhos, mesmo que isto aconteça às 3 da tarde.

No nosso tempo não haviam boxes com gravações automáticas e nós éramos tão heróis quanto o Songoku ou o Power Ranger vermelho só por acordarmos às 7 da manhã para assistir aos bonecos. E foi o protagonista de Dragon Ball a primeira pessoa a ligar para nós, para pedir a música “Hero” para dedicar a todos aqueles que, sem box, acordavam todas as manhãs para ver os desenhos animados.

Se a televisão matinal ao fim-de-semana é rica em qualidade, o mesmo não podemos dizer das sessões nocturnas. A Casa dos Segredos lá prossegue e parece obra de uma bruxa continuar a ter audiências altas. Quem também pensou estar na Casa dos Segredos foi Cavaco Silva que guardou segredo de algumas das características da sua casa para pagar menos IMI. Até meteu na morada “O Sítio Onde o Sol Não Brilha” para não ter de gastar a sua fraca reforma em impostos da casa. Teresa Guilherme ligou para os Discos Pedidos, a mando da Voz, para pedir a música “Pay Your Bills” para dedicar a Cavaco Silva.

A Guerra entre o Taxi e a Uber parece não ter fim. Aposto que, quando os taxistas descobrirem que eu dou boleia a colegas de trabalho e o faço de borla, terei uma manifestação à porta de casa. Aliás, a já falada nova série do Dragon Ball tem um episódio em que os pilotos dos aviões fazem um protesto contra a nuvem mágica do Songoku. Para finalizar esta edição dos Discos Pedidos, temos um duplo pedido. Primeiro dos taxistas para os motoristas da Uber, “Get Outta My Way” e, por fim, “My Time is Now” da Uber para os taxistas.

Esta edição dos Discos Pedidos foi patrocinada por Maria Leal, travessura de Halloween em Portugal.

Click to comment

Mais Lidos

loading...
To Top