Motores

O novo Camaro, a Carta por Pontos e “House of Cars”!

loading...

Seja Bem vindo caro Leitor. O mês de Maio trouxe novidades bem frescas, já que o calor começa a apertar.

A Honda já anunciou os preços do seu novo bebé. O novo Honda Civic Type R estará à venda a partir do próximo verão, com um valor de 39.400€. Ainda assim a marca nipónica disponibiliza um pack desportivo no valor de 2500€. O carro possui um motor Turbo a gasolina 2.0 VTEC Turbo, com uma potência na casa dos 310 cv às 6500 rpm. É capaz de alcançar uns belos 270 km/h e tem uma aceleração de 5.7 segundos (0-100 km/h). O pacote desportivo tanto foca no detalhe como na potência. Inclui detalhes visuais em vermelho, com a assinatura Type R nos difusores, sensores de estacionamento e nos espelhos eléctricos. Ainda assim o pacote já vem com sistema de navegação, via Garmin, iluminação ambiente em tonalidade vermelha, além de um sistema anticolisão, de reconhecimento de sinais de transito entre outros. A Honda disponibiliza cinco cores: branco, preto, metal polido, Azul metalizado e vermelho. O Civic Type R não é um carro qualquer. Possui um legado, uma história no mundo da industria automóvel, assim como é resultado da participação da Honda no Campeonato do Mundo de Carros do Turismo (WTCC).

O mundo automóvel não é só feito de lançamentos. É também feito de recordes e a Peugeot conseguiu estabelecer um: o do consumo. O carro utilizado foi o Peugeot 208 1.6 BlueHDi. A marca francesa conseguiu percorrer 2.152 km com apenas 43 litros de combustível. O resultado foi uma média de consumo de 2.0 litros por cada 100 km. O recorde já foi validado pela FIA, a mesma organização que controlou os testes. O 208 1.6 rodou durante umas impressionantes 38 horas com uma troca de pilotos a cada 3/4 horas. Além disso o Peugeot estava equipado com um spoiler aerodinâmico traseiro e pneus Michelin Energy Saver+.

Enquanto uns inovam na poupança de consumo, outros inovam no tipo de consumo utilizado. O Toyota Mirai é o automóvel movido a estrume. Grande parte do estrume do gado é constituído por hidrogénio. O Mirai (futuro, em Japonês) é um automóvel elétrico em que a produção de energia é feita no próprio carro, através de uma reação química entre oxigénio e hidrogénio, nas células de combustível com dois tanques de alta pressão (700 bar) com uma potência de 153cv. A marca anuncia uma autonomia de 483 km com a duração do seu carregamento a rondar os  cinco minutos.

O “Top Gear”, que tantos conhecem, tem sido uma autêntica novela, nos últimos tempos. Apesar de a BBC estar a tentar ressuscitar o programa com três novos apresentadores, Jeremy Clackson, James May e Richard Hammond já estão a trabalhar num novo projeto: “House of Cars”. O programa já está a ser negociado para que seja transmitido pela Netflix, atual proprietária da famosa série “House of Cards”. Do outro lado está a BBC a fazer tudo por tudo para dar continuidade ao “Top Gear”, mas sem os ex-apresentadores. A Televisão britânica deve, ainda, transmitir os restantes episódios da temporada 22, faltando a gravação em estúdio que fora inacabada. Os novos apresentadores serão Philip Glenister, Jodie Kidd e Guy Martin.

A Chevrolet vai lançar a sexta versão do Camaro. É uma versão mais leve e com uma grande novidade: um motor de 4 cilindros de 2 litros. A redução de peso é cerca de 90kg. As dimensões também foram alvo de remodelações por parte da marca americana. O novo Camaro está 6 cm mais curto, 2,5 cm mais estreito e mais baixo, mas mantém a personalidade agressiva. A grelha dianteira está ainda mais curta ao passo que a estética traseira apresenta um lado mais musculado com um para-choques maior e 4 saídas de escapes (apenas na versão SS). O interior está renovado com novos difusores de ventilação, colocados por baixo do sistema de navegação com um ecrã de 8 polegadas. Em termos de motor, o Camaro debita 275cv e 400 Nm de binário. São valores suficientes para conseguir rivalizar com o novo Mustang da Ford. Ainda assim a Chevrolet não esqueceu o legado do Camaro, ao disponibilizar a versão V6 (3,6 litros – 330cv) e V8 (6,2 litros – 455cv). A transmissão continuará a ser manual de seis velocidades, havendo a possibilidade de se trocar por uma automática de 8 velocidades.

E arrancou mais uma versão da corrida mais louca do mundo: a Gumbal 3000. A 17º edição decorreu entre o dia 23 e 30 de Maio e juntou mais de 100 carros para percorrerem 5.000 quilómetros. Este ano a prova começou em Estocolmo e terminou em Las Vegas. A primeira fase decorre na Europa, com passagens em Copenhaga e Amesterdão, por exemplo. A segunda fase decorre nos Estados Unidos da América (EUA). Para além de ser a corrida mais louca do mundo, atrai também nomes do conhecimento público como Tony Hawk, David Hasselhoff, Lewis Hamilton, assim como carros exóticos alterados pelos próprios proprietários.

A partir do mês de Junho a carta por pontos entra em vigor, com 1 ano de adaptação. Não tem efeitos retroativos e verifica-se uma inexistência de amnistia para as contraordenações cometidas ao longo da lei. Serão disponibilizados 12 pontos que vão diminuindo ao longo do tempo em que o condutor vai cometendo infrações. No caso de contraordenações graves, serão retirados 2 pontos e nas muito graves 4 pontos. Nos crimes rodoviários serão eliminados 6 pontos – metade dos disponibilizados inicialmente. Quando o condutor atingir os 4 pontos retirados, é obrigado a realizar uma ação de formação, ao passo que se atingir os 2 pontos retirados terá que realizar uma prova técnica. Quem conduzir com álcool será gravemente penalizado. Uma infração grave (taxa de álcool de 0,5g/l) é atribuído uma penalização de 3 pontos. Por outro lado quem cometer uma infração muito grave (0,8 a 1,2 g/litro) é penalizado com 5 pontos.

Boas aceleradelas!
Voltarei no próximo mês com mais novidades…mas até lá não deixe o seu motor ir abaixo!

Click to comment

Mais Lidos

loading...
To Top