Entretenimento

Músicas de Amor – 15 Escolhas Essenciais

loading...

E chegou o dia mais meloso do ano. Aquele dia em que só se vê corações pelas ruas, pelas redes sociais e em que todas as aplicações, lojas e restaurantes enaltecem este dia, com novos apetrechos ou promoções. E apesar de muitos dos casais não ligarem muito a este dia e fazerem demonstrações de afecto ao longo dos dias, a música está sempre presente. Aliás, muitos casais têm uma música especial para si, para celebrar o seu amor.

É, por isso, e enquanto cronista de música me cabe sugerir ao/à caro/a leitor/a algumas músicas para este São Valentim. Seja pela letra, seja pelo título, seja até pela melodia, deixo aqui as minhas sugestões para este dia ou para outros dias especiais com o/a seu/a mais que tudo.

#1 – All of Me – John Legend

A música de John Legend é das mais perfeitas para dedicar à cara metade. Não só pela sua magnífica voz, que deixa qualquer mulher rendida e estendida a seus pés a pedir-lhe para cantar só para si, mas também pela esplêndida letra que acompanha uma igualmente boa melodia. Aquele refrão é, simplesmente, brilhante, veja: “’Cause all of me/Loves all of you/Love your curves and all your edges/All your perfect imperfections/Give your all to me/I’ll give my all to you”.

Diga lá, caro/a leitor/a não gostava de ter alguém a dedicar-lhe este bonito tema? Claro que gostava!

#2 – (You Make Me Feel Like a) Natural Woman – Aretha Franklin

A Rainha! A Diva! A Voz! Para mim uma das melhores vozes de sempre, com uma das músicas mais bonitas de sempre. Aretha Franklin tem uma carreira repleta de grandes êxitos e de grandes músicas como é o caso desta. Natural Woman tem uma mensagem muito bonita e uma letra ainda mais bonita.

Se qualquer namorada, companheira ou esposa dedicasse esta música ao/à seu mais que tudo, sobretudo se fosse a cantar, desde que tivesse uma boa voz, tenho a certeza que o seu/sua parceiro/a ficaria encantado. Sobretudo quando estas partes da letra fossem entoadas.

“Before the day I met you, life was so unkind/But your the key to my peace of mind/’Cause you make me feel,/You make me feel,/You make me feel like/A natural woman”.

#3 – The Power of Love – Jennifer Rush

Jennifer Rush não é das artistas mais conhecidas no mundo da música, mas tem uma das baladas de amor mais conhecidas de sempre. “The Power of Love” é uma das músicas sobre amor que já foi várias vezes interpretadas por vários artistas, sendo que Celine Dion tem uma das covers mais famosas de sempre.

“’Cause I am your lady/And you are my man/Whenever you reach for me/I’ll do all that I can”. Este é o refrão que deixa uma poderosa mensagem a todos os apaixonados, para fazerem tudo pela sua cara metade.

#4 – Can You Feel the Love Tonight – Elton John

Elton John é uma das maiores figuras da música de todo o sempre. Com êxitos como este que refiro, mas também, “Circle of Life”, “Tiny Dancer”, “Crocodile Rock”, entre tantos outros, conseguiu deixar uma marca impossível de apagar. Isso deve-se também a fazer algumas músicas para filmes como o “Rei Leão”, aliás pode recordar aqui a crónica que escrevi sobre músicas sobre os filmes de animação, como é o caso da música que refiro aqui.

Esta é uma das baladas mais incríveis sobre a temática do amor! É aquela música que parece soar na cabeça de todos os apaixonados quando começam a ficar “apanhadinhos” pelo seu/sua mais que tudo.

“An enchanted moment, and it sees me through/It’s enough for this restless warrior just to be with you/And can you feel the love tonight?/It is where we are”.

#5 –When a Man Loves a Woman – Michael Bolton

Embora não seja a versão original é, sem dúvida, a mais icónica. Michael Bolton com os seu enorme cabelo despenteado fazia derreter todas as mulheres nos seus concertos, quando dava asas à poderosa voz ao entoar “When A Man Loves a Woman”, ou até mesmo “How Am I Supposed to Live Without You”, um pouco como o nosso Tony Carreira faz às portuguesas, mas sem a parte da voz poderosa e do cabelo despenteado.

A versão original de Percy Sledge, embora seja igualmente poderosa, não é tão conhecida, o que é pena até porque ouvir esta parte da letra pode muito bem deixar qualquer mulher derretida. “When a man loves a woman/Can’t keep his mind on nothin’ else/He’d trade the world/For a good thing he’s found”.

#6 – You Can Leave Your Hat On – Joe Cocker

Apesar de, na letra não ter grande referência a amor, nem a paixão, é uma das músicas que, pelo menos na minha cabeça, faz parte das músicas de amor essenciais. Sobretudo porque parte de uma banda sonora de um filme chamado Nove Semanas e Meia. Um filme muito controverso, mas com uma banda sonora que fica na cabeça de todos, sobretudo com esta música com voz de Joe Cocker.

É, na cena de striptease que ouvimos esta música e, graças a isso, é comum esta música ser usada neste tipo de casos. Por isso, fica a dica caro/a leitor/a!

#7 -Total Eclipse of the Heart – Bonnie Tyler

Bonnie Tyler tem, nesta balada, uma das mais icónicas músicas dos anos 80. Para além da sua música ser poderosíssima, tem igualmente um vídeo que deixa muitos aritstas de hoje a um canto. Esta é uma música de amor diferente, dado ser segundo a própria “uma música de amor vampíresca”.

“And I need you now tonight/And I need you more than ever/And if you only hold me tight/We’ll be holding on forever/And we’ll only be making it right”. A letra completa até pode não ser a melhor para dedicar à sua cara metade, mas por estes versos, até vale a pena, não acha?

#8 – She – Elvis Costello

“She maybe the reason I survive/The why and wherefore I’m alive/The one I’ll care for through the rough in many years”. Esta parte final da música de Elvis Costello, tornada célebre sobretudo graças ao filme “Notting Hill”, faz-me sempre lembrar que é uma música tremendamente romântica e, que, a meu ver, deve ser usada para mostrar o seu amor pela sua mais que tudo.

É raro ver uma música tão emotiva a ser cantada por um homem, sobretudo, quando esta versão não é a original. Esta música tem uma letra de Charles Aznavour e foi gravada em várias línguas. Como seria de esperar, esta música foi sobretudo mais popular no Reino Unido.

#9 – Love Me Tender – Elvis Presley

De um Elvis para outro, sem perder a missão. O Rei do Rock, também foi capaz de produzir as suas músicas de amor. “Love Me Tender”, é um desses exemplos. Toda a letra desta música tem a emotividade necessária para ser uma música de amor.

Destaco sobretudo esta parte: “Love me tender/Love me sweet/Never let me go./You have made my life complete,/And I love you so.”. Esta música fez parte do filme com o mesmo nome, onde Presley foi o protagonista. Uma música tão simples, mas tão brilhante!

#10 – I Will Always Love You – Whitney Houston

Uma das melhores músicas de sempre! Digo-o sem problemas nenhuns, até porque é cantada por uma das maiores artistas de sempre. Apesar desta versão ser uma cover da música de Dolly Parton, Houston deu-lhe o brilho que precisava. Contudo, e ao contrário do que se possa pensar, Dolly Parton até ajudou a actriz, mando-lhe a última parte da canção, que não constava da versão original.

Desde o início a capella, até ao fim explosivo, esta música tem tudo para ser um hit. Prova disso mesmo são os vários prémios que recebeu. Desde Grammys, a American Music Awards, Prémios da Billboard, a voz de Houston é significado de êxito. Esta interpretação foi gravada por Whitney Houston para o seu primeiro filme, “The Bodyguard”. Acho que não é preciso pôr qual a parte da letra mais se destaca, dado ser óbvio.

#11 – Whole Lotta Love – Led Zeppellin

Esta não era uma crónica minha, se eu não incluísse uma música mais rock nesta lista. Os Led Zeppellin são uma banda importantíssima no mundo do rock, e esta é uma das suas melhores músicas, na minha opinião. Esta música está também numa futura lista que poderei fazer de melhores riffs da história do rock. Não sendo a típica balada ou música de amor melódica, pode ser uma boa escolha caso o/a seu/sua parceiro/a gostar deste estilo.

Seja para dedicar ao seu mais que tudo, ou para fazer air guitar é sempre uma escolha interessante.

#12 – Somebody to Love – Queen

Outro grande nome do Rock britânico é o de Freddie Mercury, que fez dos Queen uma das maiores bandas de sempre, deixando, ainda hoje, muitos com pena de não poder assisitir ao vivo a um concerto deles. Esta é uma música com uma energia incrível em que os Queen mostram toda a sua grandeza.

Com uma composição bastante similar à Bohemian Rhapsody, “Somebody To Love” consegue estar à altura de ser um dos seus maiores êxitos. E, uma das curiosidades mais interessantes desta música, é o facto de nunca ter chegado a nº1 do top de singles do Reino Unido. Uma injustiça, não acha?

#13 – I Just Called to Say – Stevie Wonder

Stevie Wonder é um dos artistas mais bem conceituados do Mundo. Com êxitos como este referido, “Isn’t She Lovely”, “Supersticious”, entre tantos outros, faz do R&B a sua casa. Esta é uma das canções mais conhecidas e é daquelas que deve ser dedicada/feita pelo menos uma vez na relação. Com um refrão bem  orelhudo e uma melodia catchy, é uma música bem bonita e simples e que vale a pena ouvir.

“I just called to say I love you/I just called to say how much I care./I just called to say I love you/And I mean it from the bottom of my heart”. O refrão é, mais do que suficiente, para demonstrar a razão pela qual esta é uma música essencial.

#14 -Mirrors – Justin Timberlake

Justin Timberlake é um mestre da dança e do falsete. Desde os seus tempos nos N’SYNC que ele vem encantando as senhoras e hoje pode ser usado a seu favor. “Mirrors” é, possivelmente, uma das mais bonitas músicas modernas sobre amor. Falando de caras metades e de parceiros, JT consegue emocionar todo e qualquer romântico/a. Acrescendo a isto, o seu falsete derrete-nos por ser utilizado com conta, peso e medida.

Com mais de três milhões de singles vendidos nos EUA no final de 2014 e variados prémios, esta música mostra bem o poder de Timberlake. Esta música contém uma bridge fabulosa e um refrão que fica no ouvido.

“‘Cause I don’t wanna lose you now/I’m looking right at the other half of me/The vacancy that sat in my heart/Is a space that now you hold”. Diga lá caro/a leitor/a, não gostava de ter uma serenata ao som de Justin Timberlake? Sobretudo se souber que esta música foi escrita inspirada pelo casamento dos avós do cantor.

#15 – You Are the Sunshine of My Life – Stevie Wonder & Ella Fitzgerald

Esta é, sem dúvida, a minha música preferida sobre esta temática. Stevie e Ella fazem um dueto fenomenal e arrebator. Para além da letra ser suficiente para deixar qualquer um derretido, a performance de ambos durante a sua actuação é sublime! Escrita por Stevie Wonder, esta música dos anos 70, demonstra bem a cumplicidade dos cantores.

A particularidade da música é que só pode ser dedicada aquela pessoa muito especial.

Espero que tenha gostado destas minhas escolhas. Apesar de terem sempre o toque pessoal, são aquelas que considero essenciais, havendo claro muito mais. Mas não se vá já embora, ainda falta a rúbrica das minhas crónicas músicais: as Sugestões do Mês.

Sugestão do Mês

Para este mês dos pombinhos e de muito romance, nada como sugerir uma música portuguesa para dedicar à pessoa especial. No entanto, a música que sugiro aqui, não é a versão original. É, isso sim, uma adaptação de Marco Paulo a uma cantiga brasileira de Elymar Matos. Já a referi na minha crónica dos Guilty Pleasures e refiro-a aqui novamente. Sejamos francos é um dos maiores êxitos da música ligeira portuguesa! Confesso que a versão feita por Vasco Palmeirim para a Comercial me inspirou a escolher de novo esta música.

Por este mês é tudo!

Até para o mês que vem. E até lá, cante e dance ao som das suas músicas preferidas.

Click to comment

Mais Lidos

loading...
To Top