Especial Natal

O espírito natalício

loading...

Quando se cresce o Natal perde um pouco da sua magia. Deixamos de pensar nas prendas que na meia noite do dia 24 vamos receber, depois de nos empanturrarmos com doces. E de, depois disso, rebolarmos até à cama (com a barriga a estoirar) e super contentes (ou não) com as prendas.

Com uma certa idade começamos a pensar que o Natal é para os “putos”. Que eles é que acham piada àquilo. E a pensar que o Pai Natal é só um produto da Coca Cola. E o Natal em geral criado pelo mundo capitalista, para gerar consumismo.

Mas se pusermos de lado o consumismo e o nosso estômago, conseguimos concluir que o bom do Natal, para qualquer idade, é dar o mote para algo que devíamos fazer o ano todo: estarmos reunidos com a família e amigos. Não sendo possível todo o ano, ao menos que o Natal sirva para isso, para a convivência familiar (e não só) em harmonia.

Boas Festas e Feliz 2017!

Click to comment

Mais Lidos

loading...
To Top