Humor

Dia Mundial dos Carecas – A Espécie que vai acabar por dominar o Mundo…

loading...

Não há volta a dar. Por mais farta cabeleira que possuam, não há homem capaz de argumentar contra os carecas. Os carecas são uma espécie de praga que habita neste mundo com um só propósito: o de o conquistar por completo. Não há homem nenhum no mundo que não fique mais sexy ao rapar o cabelo. Por alguma razão, foi criada a célebre expressão “É dos carecas que elas gostam mais”. Não se trata de fantochada. É um facto. As mulheres apreciam mais um carequinha, do que uma espécie de Tony Ramos ao nível do couro capilar. Esta é uma das vantagens de se ser careca. Mas existem mais…

Como por exemplo, a poupança financeira mensal que se faz por ser careca. Não há necessidade de visitar o Baeta todos os meses, porque simplesmente não há cabelo para o Baeta cortar. Para ir ao cabeleireiro para nos lavarem a cabeça, mais vale o fazer na pacatez do lar sem gastar um tostão que seja. Não se gasta dinheiro em champôs, pentes ou igualmente em gel para eriçar o raça do cabelo – como alguns anti-carequistas ainda optam por fazer, sem entender que apenas estão a perder longos e preciosos minutos do seu tempo. Tempo esse que nunca mais irão recuperar… Assim como não se perde tempo algum em lavar a cabeça no banho, depois de aplicar o champô, visto que não existe cabelo algum para colocar o raça do champô. Ou seja, ser careca – para além de se ser uma rica pessoa – é uma opção de vida que pode trazer mais riqueza financeira.

Mas não fiquemos por aqui, porque ser careca é sinônimo de felicidade.

Ser careca é ter menos preocupações na vida. Como, por exemplo, a caspa. Não existe o desconforto de ter uma comichão chata e de passar o tempo inteiro a sacudir a caspa dos ombros. Porque se não há cabelo, simplesmente não há caspa. Para quem não esteja informado, ser careca diminui a hipótese de se vir a sofrer de cancro na próstata e tumores nos testículos. E, para os mais interessados, existe uma maior libido nos carecas do que nos Tony Ramos do couro capilar. Logo, uma vez mais, é perceptível o porquê de elas gostarem mais dos carecas.

Num careca não há vaidade, pois um careca não passa o tempo inteiro a pavonear-se pela rua, afastando o cabelo dos olhos ou apenas a afagar o mesmo. Ser careca, dá indubitavelmente um ar mais viril, jovem e limpo.

Um careca pode andar ao vento sem correr o risco de ficar despenteado. Pode, igualmente, alternar o uso de chapéus ou gorros, sem o problema de não o poder tirar em público por estar despenteado. Não existe um dia na vida de um careca, em que possa ser interpelado com um: “Eish, olha-me para esse cabelo. Parece que tens um ouriço-caixeiro na mona (Para aqueles que gostam de usar gel no cabelo)!”. No mundo dos carecas isso não se sucede.

Imaginem que se perdem de um careca no meio de uma multidão? Para o encontrar é só olhar para algo a brilhar ao sol. É bastante fácil. Se for à noite, basta apenas gritar por “ó careca!”, para que todos os carecas que estiverem nas redondezas parem e assim facilmente encontrar o careca perdido.

E, claro, no inverno os carecas possuem uma enorme vantagem sobre todos os Tony Ramos desta vida. Pois, os carecas são os primeiros a saber se chove.

Tudo vantagens que os adeptos do anti-carequismo não conseguem alcançar. E é por isso que eu afirmo aqui que, não sou careca por obrigação, mas sim por opção. Porque os carecas, no final, são quem vai dominar o mundo! Muahahahahah! (Ok, isto era desnecessário agora…)

Feliz dia Mundial do Careca a todos os… hum… Ah, já sei: a todos os carecas! (Ora aqui está outra vantagem de se ser careca. Até existe um dia mundial dos carecas. E dos cabeludos, há? Há pois é…)

1 Comment

Mais Lidos

loading...
To Top