Direitos Humanos

Comissão Nacional de Juventude Surda (CNJS)

loading...

Bem vindos,  a uma entrevista diferente!

Hoje vamos conhecer o trabalho da Comissão Nacional de Juventude Surda (CJNS). Como? Quando? Porquê?  Questões a ser feitas ao Presidente da Direcção da Comissão de Juventude Surda. Nesta entrevista, foi certamente, diferente mas muito interessante. Deste modo, a entrevista presencial foi feita em língua gestual portuguesa (LGP). O primeiro ensinamento a dar: é língua gestual portuguesa e não linguagem. “Diz-se língua gestual (de determinado país) e nunca linguagem gestual, tal como se diz língua portuguesa e nunca linguagem portuguesa.”

Assim, por respeito à comunidade surda, foi determinante passar a informação para a redação escrita em vez do usual vídeo. Deste modo, a entrevista permitiu uma aprendizagem tanto a nível do trabalho da CNJS como dos próprios gestos ainda desconhecidos.  Confesso, aprendi muito mas ainda estou “verde”!

O entrevistado é Pedro Mourão, 27 anos, Presidente da Comissão Nacional de Juventude Surda (CNJS) que trabalha actualmente na Associação Portuguesa de Surdos (APS). Esta entrevista foi realizada no dia 26 de Junho de 2018.

(Transcrição da conversa em Língua Gestual Portuguesa)

3- Estiveste na faculdade?

Estive 2 anos no Instituto Superior Técnico em Engenharia Informática e depois mais tarde na Universidade Nova de Lisboa no curso de Direito também 2 anos.

4- Como é que começou a Comissão Nacional de Juventude Surda? (CNJS – FPAS)?

A Comissão Nacional de Juventude Surda nasceu no dia 20 de Julho de 2013 na FPAS (Federação Portuguesa de Surdos.  http://www.fpasurdos.pt/).  Com a necessidade de aproximar os jovens surdos à Comunidade Surda criou-se a CNJS para fomentar o movimento juvenil e promover eventos nacionais.

5 – Qual é o principal objetivo da CNJS?

O principal objetivo é fomentar atividades, como por exemplo, o Encontro Nacional de Juventude Surda (ENJS). O Facebook: https://www.facebook.com/cnjsfpas/  Mas também é visto como um espaço de ativismo surdo em relação aos Direitos – Igualdade, Liberdade, Identidade, Língua, etc.  E por fim, um espaço de convívio em que podem conviver sem o sentimento de diferença como no dia-a-dia.

6 – Como é constituída a CNJS?

Neste momento a Comissão Nacional de Juventude Surda é constituída por cinco pessoas, com valências diferentes mas que se complementam entre si.

7 – Quais são as principais atividades da CNJS?

As principais atividades da CNJS são o Encontro Nacional de Surdos, acampamentos e intercâmbios mas também são feitos workshops.

8 – Quais são os principais obstáculos da CNJS?

O principal obstáculo na CNJS é o apoio financeiro. Dependendo das circunstâncias da atividade e também o interesse da Câmara no apoio dessas iniciativas. Geralmente o valor inicial considera todas as despesas implícitas, no entanto se as atividades tiverem financiamento, reduzimos o valor das inscrições.

9 – O que é o Encontro Nacional de Jovens Surdos (ENJS?

O Encontro Nacional de Surdos é a possibilidade todos os jovens surdos conviverem e adquirir conhecimentos sólidos (empowerment) para o movimento associativo surdo, e é organizado anualmente numa cidade diferente da anterior, aberto para todos os jovens surdos desde os 18 aos 35 anos. No evento, com duração de 3 a 4 dias, há atividades e jogos bem como workshops variados.

10– Quanto tempo disponibilizam para organizar o Encontro Nacional de Surdos?

A organização normalmente é feita durante o nosso tempo livre, uma vez que o trabalho na CNJS é voluntário. Começamos com a organização entre 4 a 6 meses antes do evento. No meu caso trabalho na Associação Portuguesa de Surdos, na H3 (escritor de notícias), na EUDY – European Union of the Deaf Youth http://www.eudy.info/, onde dou aulas sobre a Comunidade Surda nos Acampamentos Europeus, entre outros.

11 – Muito obrigada pelo teu contributo!

Nota: Todas as fotografias disponibilizadas reflectem a experiência do V Encontro Nacional Jovens Surdos, disponibilizadas no facebook oficial.

Em suma, a CNJS é uma comissão que organiza eventos nacionais em prol da comunidade surda. Com algumas horas livres dedicam-se na organização de actividades para o Encontro Nacional de Surdos! E tu, que fizeste hoje?

Click to comment

Mais Lidos

loading...
To Top